Amendoim contaminado com micotoxinas: aflatoxina B1 + aflatoxina B2 + aflatoxina G1 + aflatoxina G2.

Amendoim contaminado com micotoxinas: aflatoxina B1 + aflatoxina B2 + aflatoxina G1 + aflatoxina G2.

Ações de fiscalização: Proibição – Comercialização, Distribuição, Uso, Recolhimento

Leia mais
Dafné DidierAmendoim contaminado com micotoxinas: aflatoxina B1 + aflatoxina B2 + aflatoxina G1 + aflatoxina G2.

RESOLUÇÃO – RDC Nº 138, DE 8 DE FEVEREIRO DE 2017 – ANVISA

(Revogado pela RDC nº 487/2021)

Altera a Resolução da Diretoria Colegiada – RDC nº 7, de 18 de fevereiro de 2011, que dispõe sobre limites máximos tolerados (LMT) para micotoxinas em alimentos, para alterar os LMT da micotoxina deoxinivalenol (DON) em trigo e produtos de trigo prontos para oferta ao consumidor e os prazos para sua aplicação.

Leia mais
Dafné DidierRESOLUÇÃO – RDC Nº 138, DE 8 DE FEVEREIRO DE 2017 – ANVISA
aflatoxina.jpg

Aflatoxina – Uma micotoxina presente no amendoim

Recentemente o MAPA publicou o Regulamento Técnico do Amendoim em Casca e em Grãos, destinado à alimentação humana, definindo o seu padrão oficial de classificação, com os requisitos de identidade e qualidade, a amostragem, o modo de apresentação e a marcação ou rotulagem.

Dentre as modificações, no Art. 9º da Instrução Normativa nº 32/2016, determina que será desclassificado e considerado impróprio para o consumo humano, com a comercialização proibida, o amendoim que apresentar uma ou mais das condições indicadas a seguir:

Leia mais
Dafné DidierAflatoxina – Uma micotoxina presente no amendoim